O que significa??

Vcs já perceberam como tudo na moda tem um nome??! Desde uma tendência simples de estampa até uma peça inteira. Pensando nisso resolvi tirar algumas dúvidas.  Pra começar vamos pros queridinhos da mulherada, os sapatos:

Espadrille:

Sandália que é feita com espartos, um tipo de palha, trançados na sola do calçado. Outros materiais rústicos, como ráfia, juta e cordas trançadas de palha, também são utilizados. A  tendência foi lançada no final dos anos 1960, por Yves Saint Laurent.

Scarpin:

Sinônimo de luxo e elegância, o scarpin é o calçado feminino que esconde os dedos do pé e é fechado na parte de trás. O bico pode ser fino, arredondado ou quadrado. Um scarpim deve ter salto. A medida é de no mínimo 4 cm, e se o salto for maior do que 10 cm, o scarpim passa a ser chamado de stiletto

Peep Toe:

Os peep toes se caracterizam por deixarem os dedos do pé a mostra. Porém dentro dessa categoria há diversas opções, alguns são com a lateral totalmente fechada, outros são mais “decotados”, com uma estrutura no calcanhar separado da parte da frente, conhecido como modelo saia e blusa. Os saltos também variam, alguns são flats, outros médios (podem ser salto fino ou não) e há também os peep toes com saltos altíssimos.

 

Mule:

São sapatos de origem marroquina os modelos são abertos atrás e fechados na frente.

 

Oxford:

O Oxford é um sapato fechado com cadarço, que ganhou esse nome porque virou febre entre os estudantes da Universidade de Oxford, na Inglaterra, por volta do século 17.

Ankle Boot:

São botas que não têm cano, ou que o cano é baixo, no máximo até o tornozelo.

E ai gostaram???

Anúncios

Chinelo Romero Brito

Genteeee, antes de começarmos DESCULPA PELA AUSÊNCIA! Eu juro que penso no blog todo dia, mas o que me falta é tempo. =/

Mas pra vcs ficarem felizinhas comigo, vou preparar muitos posts lindos!!! Pra começar, olha que perfeição esses chinelos inspirados nos quadros de Romero Brito.

Cada chinelo custa R$29,00 e pode ser adquirido pelo site Arte própria.

 

Totem no fashion Rio

Fashion Rio bombando e eu aqui batendo ponto todo  dia no trabalho, hahahaha. Confesso que tudo que eu queria era tá lá “desfilando” pela galeria e assistindo os desfiles na primeira fila. =D Maaaaass como eu sou gente como a gente e alguém tem que trabalhar por aqui né…

 

De cara, eu amei o desfile da Totem, tudo mto carioquês e consequentemente tudo do jeito que a gente ama!

 

 

 

Super usaria!!!

 

 

Vestidos de formatura

Pode até parecer cedo, mas não é naum viu?! Muita gente se forma no meio do ano e é mais ou menos por esses meses que a mulhereda começa a se descabelar atrás de modelitos para seus vestidos. Aposto que até quem vai se formar só em dezembro já tá pensando o que vai vestir! Pensando nisso eu separei alguns modelitos e algumas dicas para as girls.

Pra quem não dispensa os longos:

 

   

Os longos são os preferidos, mas é preciso cuidado: As baixinhas devem investir em um bom salto e o comprimento do vestido deve sempre cobri-lo. As gordinhas devem investir em tecidos mais fluidos e a cintura deve ser marcada.

Ah! Esse último modelo da Vivaz eu peguei lá no blog da Camarim, é ou não lindão???

Para quem quer inovar e ir de curto:

 

Eu acho super cool e é a cara da juventude, kkkkk. Para quem vai usar vestido curto tenha apenas alguns cuidados: Curto não significa curtíssimo né? Nada de sair mostrando mais que as pernocas!! Cuidado com o comprimento médio tb, a não ser que vc seja Grazi Massafera. =]

Outra dica é conversar com sua costureira sobre o tecido, o caimento perfeito depende da sintonia entre o modelo e o tecido, ok??

Vá de Clutch:

 

Você não vai andar na festa com uma bolsa enorme e tb não vai deixar de levar sua maquiagem pra fazer os retoques pras fotos. kkkkk. As clutch são perfeitas pra festa!! Insvista nelas.

Siga essas dicas meninas e aproveitem a festa, pq vcs merecem!!!!! 

 ♥

Camisas de garrafa PET

Gente, há pelo menos uns 55 trilhões de anos a Amanda do Blog Energia Inteligente me pediu um post. Desculpa querida, pela demora!  Ela queria um post sobre camisas ecológicas, feitas de garrafas PET.

De cara eu adorei a idéia, até pq eu já conheço as tais camisas que além de lindas têm aquela característica que a gente adora: são ecologicamente corretas!

Algumas marcas já são líderes absolutas da idéia há algum tempo é o caso da Fujiro Ecotextil de Blumenau – SC e a Ecoloja de Águas de São Pedro-SP. Eu já conhecia a Ecoloja dos congressos de Biologia da vida né?? Mas só no ano passado eu tive a oportunidade de conheçer a sede lá no interior de “Sumpaulo”.

A Fujiro tem uma pegada mais fashion e eu amo!!! Não tem aquele estilo careta sabe? Eles investem bastante nas modelagens e estamparia das peças, no fim fica tudo perfeito.

Mas se você pensa que são apenas algumas poucas e desconhecidas marcas que investem na idéia, vc está enganada. Até a Gucci já fez uma camiseta com fibras de garrafas PET.

Fica a dica!